Disque Denúncia Procurados

Buscar procurado

Fontinha
Rafael de Souza Fontinha

  • 1 - Roubo - Assalto a Mão Armada Estupro/Atentado Violento ao Pudor
    2 - Estupro (Art. 213 - CP); Roubo Majorado (Art. 157, § 2º - Cp), I; Concurso Material (Art. 69 - Cp)
  • Assaltante e Estuprador
  • Bento Ribeiro - Zona Norte do Rio de Janeiro
  • 11/03/1989
  • RG Nº. (I.F.P.) 231.437.963
  • Rio de Janeiro - RJ
  • Capturado

Histórico

PRISÃO REALIZADA POR: POLICIA CIVIL DE MINAS - 17/01/2019


Um homem de 29 anos, procurado pela Justiça do Estado do rio de Janeiro, e apontado como autor de ao menos 30 assaltos a mulheres, cometidos nos últimos meses em Muriaé, foi preso na cidade de Piraúba - a cerca de 110 km de Muriaé -, na região de Ubá, nesta quinta-feira (17). O anúncio da prisão foi feito pela Polícia Civil (PC) e, segundo o delegado regional da PC em Muriaé, José Roberto Demétrio, o rapaz foi capturado em um clube de Piraúba, durante operação denominada ?Ghost Rider-Motoqueiro Fantasma?, deflagrada por investigadores de Muriaé com apoio de policiais civis locais.

Em entrevista à Rádio Muriaé, na manhã desta sexta-feira (18), o delegado regional disse que as investigações avançaram até a identificação e localização do suspeito a partir da apreensão, por parte da Polícia Militar (PM), de uma motocicleta que teria sido utilizada por ele para cometer os roubos em Muriaé.



Histórico:

Rafael de Souza Fontinha, é o principal suspeito de assaltar e abusar sexualmente de uma mulher em Marechal Hermes, Zona Norte, do Rio de Janeiro, em agosto de 2016.

De acordo com a polícia, o crime aconteceu no fim de agosto. A mulher disse que foi abordada pelo suspeito, que estava armado e pediu para que ela o acompanhasse até um veículo estacionado na região.

No depoimento, a jovem contou que o suspeito mexeu na sua bolsa e também a passou a mão na sua perna. Rafael parou o carro e, com a arma apontada, mandou que ela não gritasse e descesse a calça. Depois, abusou sexualmente da vítima.

Segundo informações da 30° DP (Marechal Hermes), após as investigações, os agentes identificaram Rafael como sendo o principal suspeito do crime. A polícia destacou que ele tem passagem por tráfico de drogas e associação ao tráfico, além de lesão corporal por violência doméstica. O homem já foi preso no Complexo Penitenciário de Bangu por dois anos e saiu em julho de 2010.