Disque Denúncia Procurados

Buscar procurado

Dão da Providência
Evanilson Marques da Silva

  • 1 - Corrupção de Menores - Eca (Lei 8.069/90 - Art. 244 B) 

    2 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06); Associação Para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06); Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), IV

    3 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06) E Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), VI; Posse Ou Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Restrito e Outros (Art. 16 - Lei 10.826/03) N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp)

    4 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06); Associação Para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06); Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), IV
  • CV - Comando Vermelho
  • Chefe do Tráfico de Drogas
  • Morro da Providência - Centro - RJ
  • 27/03/1969
  • Nº. (I.F.P.) 827.304.90
  • João Pessoa - PB
  • Procurado

Histórico

Evanilson Marques da Silva, O Dão da Providência é ligado à facção Comando Vermelho e chefia o tráfico de drogas, que ainda age no Morro da Providência, Zona Portuária, Centro do Rio de Janeiro. Ele assumiu o controle das bocas-de-fumo da Providência depois que seu irmão Leonardo Marques da Silva, o Sapinho, foi preso. Além da atuação no tráfico, Dão é suspeito de coordenar um assalto, um setembro de 2006, à Viação São Sebastião, na Gamboa, de onde foram levados R$ 55 mil. Na época ele já era investigado pelo Centro de Inteligência da Marinha (CIM) por suposto envolvimento no ataque e roubo de um fuzil FAL de um sentinela no 1º Distrito Naval, na Praça Mauá, em 2002. Ele chegou a ser preso em 2003, mas, por falta de provas, a Justiça determinou sua soltura.


Em outubro de 2002, uma série de atentados que, num espaço de quase seis horas, aterrorizaram a cidade entre a noite de terça-feira e a madrugada, com ataques ao Palácio Guanabara, ao Shopping Rio Sul e à 6ª DP (Cidade Nova), foi planejada pela cúpula do tráfico, numa casa no alto da Favela da Rocinha, em São Conrado. (Nesta época a Rocinha era controlada pela facção Comando Vermelho).


Quem tiver qualquer informação a respeito da localização dos envolvidos com tráfico de drogas na região, pode denunciar pelos seguintes canais: WhatsApp ou Telegram dos Procurados (21) 98849-6099; e pelo Facebook (inbox), aplicativo ou telefone do Disque-Denúncia (21) 2253-1177. O anonimato é garantido.

Mandados

Origem Processo expedição
Comarca da Capital/42ª Vara Criminal Processo Nº 0211377-88.2014.8.19.0001/Prisão Preventiva Distribuído em 27/06/2014
Comarca da Capital/40ª Vara Criminal Processo Nº 0191746-32.2012.8.19.0001/Prisão Preventiva Distribuído em 08/03/2013 - Artigo 218
42ª Vara Criminal da Capital Processo Nº 231241-78.2015.8.19.0001/Prisão Preventiva Distribuído em 31/05/2016
42ª Vara Criminal da Capital Processo Nº 0515553-37.2014.8.19.0001/Prisão Preventiva Distribuído em 27/06/2014