Disque Denúncia Procurados

Buscar procurado

Biscolé do Salgueiro
Marcos Antônio Jacinto da Silva

  • 1 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06), (seis vezes) E Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06), c/c art. 40, III, IV e VI da mesma Lei E Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Permitido (Art. 14 - Lei 10.826/03), (uma vez) E Posse Ou Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Restrito e Outros (Art. 16 - Lei 10.826/03), (quatro vezes), e art. 16, parágrafo único, III, (uma vez) da mesma Lei N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp), (para o acusado Antonio Hilário); Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06), c/c art. 40, III, IV, V e VI da mesma Lei (para o réu Vagner); Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06), c/c art. 40, IV, V, e VI da mesma Lei (demais réus)
    2 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06); Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06)
    3 - Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06)
    4 - Colaborar C/ Grupo,organização,associação: Destinados À Produção/tráfico Drogas- L.11.343/06, Art.37 C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), inc II; Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), inc IV
    5 - Roubo Majorado (Art. 157, § 2º - CP)
    6 - Sequestro e Cárcere Privado (Art. 148 - Cp) C/C Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Concurso Material (Art. 69 - Cp)
  • CV - Comando Vermelho
  • Integrante do Tráfico de Drogas
  • Complexo do Salgueiro - São Gonçalo - RJ
  • 04/12/1990
  • Nº. (I.F.P.) 257.879.940
  • São Gonçalo - RJ
  • Procurado

Histórico

Marcos Antonio Jacinto da Silva é ligado a facção Comando Vermelho e faz parte do tráfico de drogas que age no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Policiais da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG) investigam se o traficante Marcos Antonio Jacinto da Silva, mais conhecido como Biscole, está envolvido na execução e na ocultação dos cadáveres dos amigos de infância Joel Gustavo de Lima Soares, o Caboré, de 32 anos, e Marcelo da Cunha Ferreira Soares, o Marcelinho, de 33, no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, em janeiro de 2018.

Biscole é apontado pela polícia como um dos homens de confiança do chefe do tráfico do conjunto de favelas, Thomaz Jhayson Vieira Gomes, o 2N ou Neném, Ele ainda seria o responsável pela venda de drogas do Conjunto da Marinha.

Os agentes da especializada apuram se Biscole estava entre o grupo de traficantes que abordaram Marcelinho e Caboré próximo ao antigo Destacamento de Polícia Ostensiva (DPO) do Salgueiro, quando eles saíam de um baile funk no Conjunto da Marinha.

As investigações apontam que entre os criminosos estariam o próprio 2N e seu segurança Luiz Ricardo Monteiro Cunha, o Ricardinho. O crime teria sido cometido porque os traficantes suspeitaram que a dupla de amigos seria informantes da polícia, o popular X-9. Até hoje os corpos de Marcelinho e Caboré, que eram moradores do Conjunto BNH, em Marambaia,

Ele também é um dos principais lideres do tráfico de drogas do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo. Biscolé, foi identificado pela Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) como o homem que recebia informações privilegiadas do soldado do Exército Matheus Ferreira Lopes de Aguiar, 19, sobre operações federais em comunidades do Rio.

Segundo informações da delegacia especializada, o recruta das Forças Armadas, que é morador de Itauna, bairro que integra o Complexo do Salgueiro, passava as informações para Biscole e este usava sua alta posição na hierarquia do tráfico e transmitia a notícia para líderes das comunidades que seriam alvo das operações.

Para aumentar o faturamento, os traficantes de drogas da região costumam investir no roubo de cargas. Segundo investigações da polícia, a grande maioria desse tipo de crime ocorrido esse ano em São Gonçalo foi tramada nas comunidades onde há atuação de grupos ligados à venda de entorpecentes, que além de comercializarem os produtos a preços muito mais baixos que o do mercado para ?agradar? moradores, também abastecem comércios e pontos de camelotagem clandestinos. Entre os traficantes que fazem parte desta quadrilha está o traficante Biscolé.

Referente ao processo Nº do Mandado de Prisão: 0034066-28.2019.8.19.0004.01.0003-21/Prisão Preventiva - Mês de abril de 2019 até o dia 28, no Complexo do Salgueiro, São Gonçalo/RJ, os denunciados, de forma consciente e voluntária, se associaram entre si e com terceiros indivíduos não identificados, para a prática, reiterada ou não, do crime de tráfico ilícito de entorpecentes em área dominada por facção criminosa, valendo-se do emprego de armas de fogo, como meio de intimidação difusa e coletiva, e garantia de perpetuação da atividade ilícita mercantil de drogas. Além disso, ressalta a peça inicial, que por ocasião dos fatos, a vítima caminhava em direção à sua residência no bairro Itaoca, no Complexo do Salgueiro, momento em que foi abordada pelos denunciados, que chegaram ao local a bordo de quatro veículos, sendo um deles um M.Benz, de modelo e placa não anotados, conduzido pelo 2º denunciado, Ricardinho, no interior do qual estavam o 1º denunciado 2N ou 3N, chefe do grupo, além do 3º denunciado Pelanca, do 4º denunciado Grisalho, do 5º denunciado Xandinho e do 9º denunciado Biscole, todos integrantes da tropa de frente do chefe e cada qual portando uma arma de fogo tipo fuzil, além de uma pistola. Os demais denunciados encontravam-se distribuídos nos outros três veículos que participaram da abordagem, e portavam cada qual uma arma de fogo, sendo fuzil ou pistola. Segundo aponta a denúncia, O 1º denunciado 2N ou 3N desembarcou do M.Benz e se dirigiu à vítima, dizendo-lhe ´Coé, comédia...Pegou a mulher do amigo. Coloca a mão pra tomar tiro.´ Ato contínuo, a vítima passou a ser espancada pelos denunciados e o 1º denunciado 2N ou 3N que, impiedosamente, lhe desferiu um tiro com uma pistola, atingindo-o no dorso da mão direita. Na sequência, a vítima foi encapuzada e colocada no porta mala de um dos veículos e levada para um imóvel no interior do Complexo do Salgueiro, lá sendo mantida por 3 dias passando fome e sede e sendo agredida fisicamente pelos denunciados, os quais se revezavam em sua vigilância, circunstâncias em que ouviu teria sua vida ceifada pelo ´Tribunal do tráfico´, sob justificativa de ter desejado a mulher de um dos traficantes o que causou a referida vítima sofrimento físico e moral. Percebendo estar sozinha no cativeiro, no dia 28 de abril, a vítima conseguiu arrombar a porta do cômodo onde era mantida e pulou o muro do imóvel, pondo-se em fuga, sendo socorrida por familiares e levada para o Hospital das Clínicas, nesta comarca. Em sede policial a vítima reconheceu por fotos os denunciados como autores do grupo que o teria agredido. Dessa forma, há justa causa para a deflagração da ação penal, consubstanciada na materialidade delitiva e nos indícios de autoria,

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização do acusado ainda em liberdade, favor informar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/; e pelo aplicativo Disque Denúncia RJ. Visite também o Instagram oficial do Portal dos Procurados ? portal.procurados-.

Mandados

Origem Processo expedição
Comarca de São Gonçalo 5ª Vara Criminal Cartório da 5ª Vara Criminal Nº do Mandado de Prisão: 0034066-28.2019.8.19.0004.01.0014-26/Espécie de prisão: Preventiva Data de expedição: 24/09/2019
Comarca de São Gonçalo/3ª Vara Criminal Processo No 0017289-36.2017.8.19.0004/Prisão Preventiva Distribuído em 17/10/2017
Comarca da São Gonçalo/3ª Vara Criminal Processo No 0028548-33.2014.8.19.0004 /Prisão Preventiva Distribuído em 19/12/2014
Comarca da São Gonçalol/3ª Vara Criminal Inquérito No 0059245-37.2014.8.19.0004/Prisão Preventiva Distribuído em 27/11/2014
Comarca de São Gonçalo/2ª Vara Criminal Processo No 0025224-64.2016.8.19.0004/Prisão Preventiva Distribuído em 21/07/2016
Comarca de São Gonçalo 5ª Vara Criminal Nº do Mandado de Prisão: 0034066-28.2019.8.19.0004.01.0006-27/Prisão preventiva Data de expedição: 20/09/2019
Comarca da Capital/41ª Vara Criminal Processo No 0213844-35.2017.8.19.0001.01.0001-02/Prisão Preventiva Distribuído em 15/09/2017
Comarca de São Gonçalo/2ª Vara Criminal Processo No 0021210-03.2017.8.19.0004/Prisão Preventiva Distribuído em 27/06/2017
Comarca da Capital/41ª Vara Criminal Processo No 0213844-35.2017.8.19.0001.01.0001-02/Prisão Temporária Distribuído em 15/08/2017