Disque Denúncia Procurados

Buscar procurado

Guilherme
Guilherme Lopes da Silva

  • 1 - Latrocínio (artigo 157, § 3º, 2º parte do CP), com pedido de Prisão Temporária, de trinta dias, com validade de 20 anos.
  • Homicida
  • Favela da Rocinha - RJ
  • 09/07/1998
  • Nº (I.F.P.) 293.326.732
  • Rio de Janeiro
  • Procurado

Histórico

O Portal dos Procurados divulga cartaz para ajudar a Delegacia de Homicídios da Capital ? DH/Capital ? com informações possam levar as prisões de Guilherme Lopes da Silva, de 21 anos, Pedro Henrique Alves Medeiros, de 23, Lucas Santos Campos, o Gordo ou Bezemar, de 24 e Leonardo Ferreira, o Papai, de 24. Eles são os principais suspeitos de envolvimento no latrocínio da médica Maura Selvaggi Soares, 61 anos, atingida com um tiro na porta de sua casa, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, na noite do dia 25/07. 

Imagens ajudaram na identificação. Antes do crime, os criminosos roubaram o carro de um motorista de Uber. Em um dos vídeos, Guilherme Lopes da Silva, autor do disparo, sai para urinar. Ele havia postado uma foto em redes sociais com a mesma roupa em que aparece nas imagens.

"É importante a ajuda da população com informações do possível paradeiro deles. A prisão de todos estes assassinos covardes é de suma importância para que a Justiça seja feita. A DH continua buscando diuturnamente prendê-los e entregá-los a Justiça", disse o delegado Daniel Rosa.

A exceção de Lucas Santos Campos, os outros três indiciados já tiveram passagens pelo Sistema Penitenciário, pelos crimes de Roubo, Homicídio e Receptação. 

E em decisão exarada pela Justiça, a pedido da Autoridade Policial da DH/Capital, Delegado Titular Drº Daniel Rosa, foi expedido mandado de prisão pelo Plantão Judiciário da Comarca da Capital, Nº do Mandado de Prisão: 0188956-31.2019.8.19.0001.01.0001-04, pelo crime de Latrocínio (artigo 157, § 3º, 2º parte do CP), com pedido de Prisão Temporária, de trinta dias, com validade de 20 anos.

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização dos foragidos da Justiça, favor denunciar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram Portal dos Procurados (21) 98849-6099; pelo facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/, pelo mesa de atendimento do Disque-Denúncia (21) 2253-1177, ou pelo Aplicativo para celular.

Todas as informações sigilosas sobre o caso serão encaminhadas para DH/Capital ? que está encarregada do caso e do inquérito criminal.

Mandados

Origem Processo expedição
Comarca da Capital Vara do Plantão Judicial Nº do Mandado de Prisão: 0188956-31.2019.8.19.0001.01.0001-04/Prisão Tempórária Data de expedição: 03/08/2019