Disque Denúncia Procurados

Buscar procurado

Alvarenga do Parque União
Jorge Luiz Moura Barbosa

  • 1 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06) E Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006)
    2 - Latrocínio (Art. 157, § 3º, 2ª parte - CP)
    3 - Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), incisos II, III e IV C/C Destruição, Subração Ou Ocultação de Cadáver (Art. 211 - Cp) N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp)
    4 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06)
    5 - Tráfico Ilícito de Substância Entorpecente (Art. 12 - Lei 6.368/76), §2º,III E Associação Para a Prática de Tráfico Ilícito de Substância Entorpecente (Art. 14 - Lei 6.368/76) E Crime da Lei Sobre a Corrupção de Menores (Art. 1º - Lei 2.252/54) - Revogado Pela Lei 12.015/09 N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp)
    6 - Tráfico Ilícito de Substância Entorpecente (Art. 12 - Lei 6.368/76) E Associação Para a Prática de Tráfico Ilícito de Substância Entorpecente (Art. 14 - Lei 6.368/76)
  • CV - Comando Vermelho
  • Chefe do Tráfico
  • Favela Parque União - Bonsucesso e Ilha do Governador
  • 23/04/1980
  • Nº (I.F.P.) 119.144.12-9
  • Rio de Janeiro - RJ
  • Procurado

Histórico

Jorge Luiz Moura Barbosa, o Alvarenga, Ìndio ou RG, é ligado a facção Comando Cermelho ? CV, e chefia o tráfico de drogas na Favela Parque União no Complexo da Maré. Ele costuma promover bailes funks na comunidade, a fim de aumentar as vendas de drogas na região e está sempre acompanhado de seguranças fortemente armados.

Um dos principais pontos e drogas do Comando Vermelho vão fortalecendo o mundo paralelo em que vive. E nesse reino ? logo ali na Avenida Brasil ?, vive o ?intocável? Alvarenga, Barão das drogas na Favela Parque União. Procurado pela polícia desde 2006 e com vários mandados de prisão ativos, ele é um dos únicos líderes do CV que nunca foi preso.

Protegido por um séquito de vários criminosos armados em sua quadrilha, Alvarenga é escorregadio e quase não circula pela favela, para não ser visto. Tanto que, nos bancos de dados da Segurança Pública, a foto existente do criminoso é a de sua primeira carteira de identidade. Suas aparições públicas são raras e por isso ele é tido como um ?fantasma? na favela. Nas escassas vezes em que circula, o barão está acompanhando o movimento das bocas de fumo, armado e cercado por seguranças.

Para manter o sigilo de onde ele mora, Alvarenga pede aos seguranças que o deixem a metros de distância da casa e manda esvaziar a rua: enquanto ele entra, ninguém pode ficar nas janelas para ver qual é o imóvel. No domínio de Alvarenga, desfile de armas e drogas é mais do que permitido, é quase obrigação. As bocas funcionam a todo vapor dia e noite, sempre protegidas por homens fortemente armados. Os fuzis e metralhadoras são ostentados como troféus durante e depois dos bailes funk da favela, um dos mais concorridos da cidade. Regados a drogas e bebidas, os eventos promovidos por Alvarenga recebem frequentadores de vários lugares, de moradores da favela a ?patricinhas? da Zona Sul, e tem uma das principais Cracolândia do Rio, onde o comércio da crack é abundante para os vários ?zumbis? que ali circulam.

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização do acusado ainda em liberdade, favor informar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/; e pelo aplicativo Disque Denúncia RJ. Visite também o Instagram oficial do Portal dos Procurados ? portal.procurados-.

Mandados

Origem Processo expedição
Comarca da Capital/40ª Vara Criminal Processo No 0163220-65.2006.8.19.0001.01.0001-04/Prisão Preventiva Distribuído em 27/04/2018
Comarca da Capital/40ª Vara Criminal Processo No 0437230-96.2006.8.19.0001.01.0002-10/Prisão Preventiva Distribuído em 13/07/2012
Comarca da Capital/33ª Vara Criminal Processo No 0409466-33.2009.8.19.0001.01.0001-03/Prisão Preventiva Distribuído em 18/05/2018
Comarca da Capital/1ª Vara Criminal Processo nº 0499729-09.2012.8.19.0001.01.0001-13/Prisão Preventiva Distribuído em 12/04/2018
Comarca da Capital/34ª Vara Criminal Processo nº - 0428478-96.2010.8.19.0001.01.0001-11/Prisão Preventiva Distribuído em 10/09/2013
Comarca da Capital/33ª Vara Criminal Processo nº 0470128-50.2015.8.19.0001.01.0002-12/Prisão Preventiva Distribuído em 07/01/2016
Comarca da Capital/29ª Vara Criminal Processo nº 0347829-37.2016.8.19.0001.01.0004-09/Prisão Preventiva Distribuído em 30/08/2018
Comarca 32ª Vara Criminal da Capital Processo nº 0385967-20.2009.8.19.0001.01.0002-02/Prisão Preventiva Distribuído em 02/05/2018