Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
TH da Fé/ALEMÃO
Thiago Oliveira de Mello
Nascimento:
11/04/1984
RG:
RG Nº. (I.F.P.) 202.557.757
Natural:
Município não Informado - RJ
Situação:
Capturado
Crimes:
Capturado WhatsApp


Tráfico de Drogas

Art. 35. Associarem-se duas ou mais pessoas para o fim de praticar, reiteradamente ou não, qualquer dos crimes previstos nos arts. 33, § 1o, e 34 desta Lei:
Parágrafo único. Nas mesmas penas do caput deste artigo incorre quem se associa para a prática reiterada do crime definido no art. 36 desta Lei.
Facção:
Comando Vermelho - CV
Função:
Integrante do Tráfico de Drogas
Área de Atuação:
Complexo da Penha - RJ
Histórico:
Prisão realizada por UPP - Parque Proletário - 02/08/2014



Através de informações recebidas pelo aplicativo de mensagens Whatsapp do Portal dos Procurados, policiais militares do GTPP - Grupo Tático de Policiamento de Proximidade, do Parque Proletário, prenderam no final da tarde de ontem, dia 02/08/2014, o traficante Thiago Oliveira de Mello, o TH da Fé, gerente de pontos de drogas, no Morro da Fé, no Complexo da Penha. Ele foi preso na Rua José Rucas, que fica localizada na Vila Cruzeiro, na Penha, Zona Norte do Rio de Janeiro. A informação dava os locais por onde ele costumava circular.
Ao subir a Rua Nossa Senhora da Aparecida, mais conhecida como Rua “A”, rua que dá acesso a base da UPP, um policial do GTPP que estava em uma viatura, reconheceu Thiago, que estava descendo a rua em uma moto. Logo após os policiais fizeram o retorno e abordou o traficante, que não ofereceu resistência, e se entregou. Ele informou para os policiais, que estava indo cortar o cabelo.

Histórico>


Thiago Oliveira de Mello, o Th da Fé, faz parte do tráfico de drogas que age no Complexo da Penha, e ainda gerencia alguns pontos de drogas naquela comunidade.

Pelo Sistema de Cadastramento de Mandados de Prisão – Polinter – consta contra o procurado, um mandado de prisão, expedido pela 16ª Vara Criminal da Capital, pelo crime contido no artigo 35 da Lei 11.343/06.

No Sistema de Identificação Criminal constam duas anotações: 38ª DP – 30/07/2012 – artigo 33 e 35 da Lei 11343/06 - Desta forma JULGO PROCEDENTE EM PARTE a pretensão punitiva estatal para condenar o acusado Alex Campos Marinho, como incurso nas penas dos artigos 33 e 35 da Lei 11.343/2006 na forma do artigo 69 do Código Penal e absolver Thiago Porto Gonçalves, Thiago Oliveira de Mello e Julcimar da Silva Neves das imputações que lhes são dirigidas na denúncia com fundamento no artigo 386, VII do Código Penal.- 42ª Vara Criminal da Capital e 22ª DP – 23/05/2012 – artigo 35 da Lei 11343/06 – Aguardando – 16ª Vara Criminal da Capital.

Contra ele há uma anotação de Lei 9.099 – DEAM/Centro – 2006 – artigo 129 do CP – X Juizado Especial Criminal da Comarca da Capital-RJ.

Pelo Sistema de Identificação Penitenciária, que o procurado Thiago Oliveira de Mello, já teve passagem pelo sistema carcerário. Ele ingressou em 30/07/2012 – Penitenciária Alfredo Tranjan – SEAPAT – saindo em liberdade em 28/11/2012 – Cadeia Pública Jorge Santana – SEAPJS –

Pelo Sistema de Cadastramento de Ocorrências Policiais, constam 3 (três) procedimentos: 22ª DP – 2012 – Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Restrito; 22ª DP – 2012 – Associação para o Tráfico de Drogas e 22ª DP – 2012 – Tráfico de drogas e 38ª DP – 2012 – Tráfico de Drogas.

(Atualizado em 08/04/2013)
1