Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Binho do Engenho
Robson Aguiar de Oliveira
Recompensa:
R$ 1 Mil
Nascimento:
28/03/1974
RG:
RG Nº. (I.F.P.) 915.515.80
Natural:
Rio de Janeiro - RJ
Situação:
Capturado
Crimes:
Evadido Sistema Penitenciário Fugitivos/Vicente Piragibe

Art. 121, § 2º, Inciso I do Cp - Homicídio Qualificado Mediante Paga Ou Promessa de Recompensa... E Art. 121, § 2º, Inciso II do Cp - Homicídio Qualificado - Por Motivo Fútil E Art.121, § 2º, Inciso III do Cp - Homicídio Qualificado - Emprego de Veneno, Fogo...

Assunto: Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP) E Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP) E Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP)
Facção:
Comando Vermelho - CV
Função:
Chefe do tráfico/Complexo do Chapadão
Área de Atuação:
Morro do Chapadão, Juramento, Complexo do Lins, Manguerinha
Histórico:
Prisão realizada pelo BOPE – 11/08/2015
Preso durante uma operação no Morro do Chapadão.


Robson Aguiar de Oliveira, o Binho do Engenho é procurado por ter fugido do Instituto Penal Vicente Piragibe – SEAPVP - que integra o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio. Ele é um dos principais traficantes da facção Comando Vermelho e faz a ligações entre os pontos de drogas. Também é ligado as compras de armas e drogas para o CV.

A fuga que foi realizada, através de um túnel ligado à tubulação de esgoto do presídio, aconteceu no dia 03/02. A lista de foragidos, publicada pela Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap), tem alguns bandidos que comandavam favelas estratégicas para o tráfico de drogas, entre eles alguns do Complexo do Alemão, que já foi base da facção Comando Vermelho, atualmente ocupado por uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP).

Quatro detentos foram recapturados ainda no domingo. A Corregedoria da Seap abriu sindicância para investigar como ocorreu a fuga. Agentes que estavam de plantão na unidade prisional começaram a ser ouvidos. Ainda não se sabe se houve participação de funcionários ou facilitação da fuga. Segundo a Seap, o presídio não registrava uma fuga desde 2002.

Os quatro recapturados foram transferidos para a Penitenciária Laércio da Costa Pelegrino, conhecida como Bangu 1, também localizada dentro do Complexo de Gericinó - uma unidade de segurança máxima.

Contra Robson Aguiar de Oliveira, consta pelo Sistema de Cadastramento de Mandados de Prisão – Polinter – 5 (cinco) mandado de prisão, em aberto, expedido pelas seguintes Varas Criminais: 4ª Vara Criminal da capital – expedido em16/07/2007, 16/07/2007, 15/06/2007, 15/06/2007 e 26/03/2007– todos contidos no artigo CPB 121 –

Pelo Sistema de Identificação Criminal, constam 6 (seis) anotações: 77ª DP – 17/11/1993 – Artigo 157 P 2ª I e II do CP – Condenando a pena de 6 anos – 1ª Vara Criminal da Capital; DPF – 08/02/2001 – 10ª Vara Criminal Federal; 54ª DP – 09/01/2003 – Artigo 157 P 2ª I e II do CP; 44ª DP – 19/04/2007 – artigo 288m, artigo 71 do CP – 16ª Vara Criminal da Capital; 24ª DP – 26/06/2007 – artigo 121 do CP e Delegacia Aeroporto – 10/02/2007 – artigo 1212 do CP.

Pelo Sistema de Identificação Penitenciária, consta que apenado Robson Aguiar de Oliveira, encontra-se na condição de foragido. Ele ingressou no sistema carcerário em 08/02/2002 – indo cumprir pena no Presídio Ary Franco – SEAPAF -. Em 06/03/2002 foi transferido para Departamento de Policia Federal; Ingressou novamente em 30/05/2003 – Presídio Elizabeth Sá Rego – SEAPSR – saindo em liberdade em 09/05/2005 – Presídio Moniz Sodré – SEAPMS – Reingressou em 19/10/2007 – Presídio Ary Franco – SEAPAF -. Em 23/12/2011, passou para o regime semi-aberto, indo para o Instituo Penal Vicente Piragibe – SEAPVP – quando em 03/02/2013, saindo em fuga, através da tubulação de esgoto.

Pelo Sistema de Cadastramento de Ocorrências Policiais: 44ª DP – 2007 – Quadrilha ou Bando e 44ª DP – 2007 – Associação para o tráfico de Drogas.


(Atualizado em 05/02/2013)
Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIÇÃO
Comarca da Capital /4ª Vara Criminal
0020019-78.2007.8.19.0001
16/07/2007 - CPB 121
1