Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Claudinho CL
Luis Cláudio Serrat Correa
Nascimento:
15/12/1971
RG:
nº- 9459059-3 - IFP
Natural:
Rio de Janeiro
Situação:
Capturado
Crimes:
Capturado


Tráfico de Drogas Latrocínio Roubo - Assalto a Mão Armada
Facção:
Comando Vermelho
Função:
Chefe do Tráfico
Área de Atuação:
Mangueirinha, Juramento, Nova Holanda, Mandela, Jacarezinho, Chatuba
Histórico:
Prisão realizado por: 25º DP - Engenho Novo

(atualizado em 28/01/12) às 00:45h

Luis Cláudio Serrat Correa, o Claudinho CL ou Claudinho do Dona Marta, que atualmente estava a frente do tráfico de drogas dos Morros do Cajueiro e Congonhas, e era um dos principais traficantes em atividade do Comando Vermelho, foi preso junto com traficante Fabiano Atanazio da Silva, o “FB”, em São Paulo, por policiais civis da 25º DP. Ele seria um dos responsáveis pelas constantes tentativas de invasão do Morro da Serrinha, que é controlado pela facção A.D.A – Amigos dos Amigos - . A intenção era abrigar homens do CV, que foram expulsos das diversas localidades que foram tomadas pelas UPP’S. Com eles foram presos mais três traficantes. Claudinho CL é acusado de matar em 2008 o tenente coronel José Roberto do Amaral Lourenço, diretor do presídio de Bangu 3. Contra ele havia seis mandados de prisão, por tráfico de drogas, roubo e latrocínio e homicídio.

Luiz Cláudio Serrat Corrêa, o Claudinho ou CL, um dos homens mais procurados pela polícia e apontado como mentor da guerra que aterrorizou Madureira nos últimos meses. Nas anotações, cifras milionárias revelam um faturamento de quase R$ 2 milhões mensais, segundo estimativas de investigadores da policia.


Histórico:


Foragido do sistema penitenciário e oriundo do tráfico de drogas do Morro Dona Marta, Botafogo, zona sul do Rio, Luis Cláudio Serrat Correa, o “Claudinho CL ou Claudinho do Dona Marta, atualmente, é um dos principais traficantes da facção Comando Vermelho em todo estado, e controla todo Complexo do Cajueiro, em Madureira.

Em Outubro de 2008, Claudinho CL entrou no foco sob a suspeita de ser um dos executores do assassinato do diretor de Bangu 3, o tenente-coronel Roberto do Amaral Lourenço, em plena Avenida Brasil. Ele foi executado por volta das 8h30m, do dia 1610/08, com pelo menos 60 disparos de fuzil foram feitos contra seu carro. Lourenço, que era oficial da Polícia Militar, morreu no local. Segundo o ex-secretário de Administração Penitenciária Astério Pereira, a época, o diretor era o recordista no recebimento de ameaças de morte.

O Disque-Denúncia teria registrado sete denúncias sobre o assassinato do diretor.E sua teria sido encomenda, porque ele ia transferir diversos traficantes do CV, para outras unidades, e a facção teria deixado a execução a cargo de CL. Ele também seria, junto com o traficante “FB” os articuladores, do seqüestro de três chineses e do diplomata vietnamita, nas Paineiras. Ele chegou a ser um dos maiores seqüestradores dos anos 90. De lá pra cá, Claudinho colecionou mandados de prisão na mesma velocidade que espalhou medo pela Zona Norte, liderando ataques para tentar tomar o controle de morros como Camarista Méier, no Engenho de Dentro, e da Serrinha, em Madureira.

A rápida ascensão na hierarquia da facção é explicada por varias apreensões feita pela policia. Em uma delas, a venda de drogas do Morro do Cajueiro, há registros que são a amostra de seu poderio: R$ 478,8 mil, R$ 471,2 mil e R$ 398,7 mil. O faturamento, de acordo com a investigação, é semanal, o que significa algo em torno de R$ 68 mil diários. O maior lucro vem dos sacolés de cocaína, que chegam a render R$ 128 mil. Com a venda de crack na comunidade de Madureira, Claudinho CL faturou R$ 73 mil somente na última semana de outubro de 2010.

O traficante, que adora se exibir com cordões de ouro, embolsa mais de meio milhão semanalmente. Isso revela o poder do tráfico para financiar as guerras que aterrorizam a população da zona norte. E o CL está à frente de muitas delas.(Atualizado em 25/08/11)




Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIÇÃO
2ª Vara Criminal Capital
005733-69.2010.8.19.0202
09/03/2010
29ª Vara Criminal/Capital
2007.001.215342-7
7 31/01/2008
VEP/RJ
0375324-42.2005.8.19.0001 (2005/11021-8)
2005
28ª Vara Criminal Capital
0026375-21.2009.8.19.0001
02/02/2009
1ª Vara Criminal/ Capital
2008.004.029307-8
22/01/2009
VEP/RJ
0140741-69.1992.8.19.0001 (1992/07456-6)
1992
1