Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Banana 2
André Felipe de Andrade da Fonseca
Nascimento:
16/05/1989
RG:
RG Nº. (I.F.P.) 224.367.37 - 5
Natural:
São Gonçalo - RJ
Situação:
Capturado
Crimes:
Capturado

Roubo - Assalto a Mão Armada Homicídios

1 - Roubo Majorado (Art. 157, § 2º - CP)
Área de Atuação:
São Gonçalo e Niterói
Histórico:
André Felipe de Andrade da Fonseca, o Banana 2, é acusado de assassinar a balconista de uma lanchonete que ficava no interior de posto de gasolina em São Gonçalo. A gravidade do crime está evidenciada na medida em que foi praticado mediante concurso de agentes e emprego de arma de fogo, o que reduziu a possibilidade de defesa das vítimas, tendo sido empregada extrema violência, visto que a ação resultou na morte da jovem Angélica Maria de Souza, sem que tivesse esboçado qualquer reação.

Em maio de 2009, ele assaltou a loja de conveniência de um posto de combustível no bairro Arsenal em São Gonçalo, onde assassinou a balconista Angélica Maria de Souza, alegando que a mesma demorou a entregar os objetos roubados. André que é irmão de Jean Rodrigues da Fonseca Júnior, o vulgo “B1”, preso em outubro de 2010, por também ter participado do assalto ao posto de gasolina.

Pelo Sistema de Cadastramento de Mandados de Prisão – Polinter – constam 2 (dois) mandados de prisão, expedidos pela 2ª Vara Criminal de São Gonçalo, expedidos em 04/09/2009 e 08/05/2009, pelo crime contido no artigo 157 do Código Penal.

Pelo Sistema de Identificação Criminal, consta uma ocorrência na 75ª DP – 06/05/2009, artigo 157 § 3º Parte Final do CP.

No Sistema de Cadastramento de Ocorrências Policiais, consta uma passagem pela 79ª DP – 2009 – Roubo no Interior de Coletivo.

Mandado de Prisão:

Processo nº: 0017452-94.2009.8.19.0004 (2009.004.017542-6)
Tipo do Movimento: Decisão
Descrição: Recebo a denúncia. Defiro a cota do MP. Com a denúncia, veio o requerimento de prisão preventiva de ANDRÉ FELIPE DE ANDRADE DA FONSECA, De acordo com a análise dos autos, há indícios de que os denunciados tenham praticado o crime em apuração. Nos depoimentos colhidos em sede policial, as vítimas Wagner (fls.64, 65 e 88) e Briolanjo (fls. 66 e 67 e 87) reconheceram os denunciados como autores dos crimes de roubo e latrocínio ocorridos no Posto de Gasolina. Frise-se que os denunciados foram identificados em razão de diversos disque-denúncias recebidos pela Polícia Civil, informando sobre os autores do delito (fls.35/46) e seu endereço, sendo então possível identificar os elementos mencionados nas informações e exibir suas fotografias para as vítimas, as quais os reconheceram. A gravidade do crime está evidenciada na medida em que foi praticado mediante concurso de agentes e emprego de arma de fogo, o que reduziu a possibilidade de defesa das vítimas, tendo sido empregada extrema violência, visto que a ação resultou na morte da jovem Angélica Maria de Souza, sem que tivesse esboçado qualquer reação. A vítima Eric, em que pese ter declarado que não tinha condições de reconhecer os acusados, identificou como sendo de sua propriedade alguns pertences apreendidos na residência dos acusados André e Jean (fls.78/80). Por outro lado, a instrução criminal deve ser garantida, mediante a oitiva tranqüila das vítimas, ressaltando-se que há indícios de que os acusados tenham praticado outros roubos nesta Comarca e em Niterói, conforme relatado a fls.68/70 e 119/120. Vale frisar ainda que Francisco Américo Pinheiro (fls.119/120), vítima de roubo no dia 28 de abril de 2009, reconheceu os denunciados André e Jean como autores do crime, tendo esclarecido que mesmo sem haver reação, foi desferido um tiro em sua direção pelo acusado Jean, disparo este que não a atingiu. Desta forma, considerando a grande periculosiddade demonstrada pelos agentes, a prisão dos mesmos é necessária para garantir a ordem pública e ainda pela conveniência da instrução criminal, razão pela qual decreto a Prisão Preventiva dos denunciados ANDRÉ FELIPE DE ANDRADE DA FONSECAcom fundamento no artigo 312 do CPP. Expeçam-se os mandados de prisão. Com a informação sobre a prisão dos acusados, voltem conclusos.

(Atualizado em 07/01/20103)

1