Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Piolho
Alexandre Bandeira de Melo
Nascimento:
17/02/1972
RG:
nº - 914.8240.6 - IFP
Natural:
Rio de Janeiro
Situação:
Capturado
Crimes:
Capturado

Evadido do Sistema Penitenciário

Porte Ilegal de Armas Roubo - Assalto a Mão Armada Tráfico de Drogas Homicídios
Facção:
A.D.A - Amigos dos Amigos
Função:
Chefe do Tráfico
Área de Atuação:
Morro do Dezoito, Fubá, Sacú, em Quintino
Histórico:
Prisão realizada por DPCA/Niterói - 25/04/2012

O chefe do tráfico do Morro do Dezoito, Alexandre Bandeira de Melo, o “Piolho”, 40 anos, foi preso, na manhã desta quarta-feira (25/04), por policiais da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente de Niterói (DPCA/Niterói). Ele foi capturado em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, após agentes da especializada receberem uma denúncia anônima.


De acordo com o delegado João Luiz Garcia, titular da DPCA, contra “Piolho” havia seis mandados de prisão pelos crimes de homicídio, tráfico, associação para o tráfico, roubo e formação de quadrilha. No mesmo local, os policiais prenderam Renata Martins Cavalare, 34 anos, esposa do traficante.


Histórico:

Chefe do tráfico no Complexo do Dezoito, no bairro da Piedade, e Morro do Saçú, no bairro Água Santa, Alexandre Bandeira de Melo, o Piolho, cumpriu pena no Instituto Penal Ismael Pereira Sirieiro, no Fonseca, na zona norte, de Niterói, onde em setembro de 2010, ganhou o benefício concedido pela Vara de Execuções Penais – VEP, para sair às ruas para trabalhar, e não retornou ao sistema prisional.

Piolho fugiu do sistema penitenciário no dia 3 de setembro. Após fugir do presídio, ele se refugiou na favela Vila Vintém, em Padre Miguel, na zona oeste. Entretanto, foi expulso do local por ordem do chefe do tráfico, Celso Luiz Rodrigues, o Celsinho da Vila Vintém, que está preso, após seqüestrar um homem.

Piolho raptou um morador do Dezoito e levou para a Vila Vintém. O rapaz é irmão de um informante da milícia e Celsinho não permite esse tipo de ação na favela. Para liberar a vítima, Piolho exigiu R$ 5.000 e que ele fosse trocado pelo irmão

Piolho, já esteve foragido da Polinter em 2002, onde cumpria pena pelos crimes de Roubo e Tráfico de drogas, e é citado em treze inquéritos por tráfico de drogas, homicídio, assalto a mão armada, entre outros, além disso, já foi preso em flagrante por porte ilegal de armas e tentativa de corrupção.

Possui um perfil violento, sendo responsável por comandar diversos homicídios e enterrá-los no alto do Morro do Saçú, segundo denúncias anônimas. Após sair da prisão, em setembro de 2010, começou a colocar em prático seu plano de retomar os pontos de drogas, que mesmo dentro da cadeia, perdeu para os milicianos.

A tentativa de invasão do Morro do Fubá, em Cascadura, na Zona Norte do Rio, por traficantes armados terminou com a morte de dois homens em 2010. De acordo com informaçõesdo 9º BPM (Rocha Miranda), Sérgio Henrique Moraes Papastawrios, de 35 anos, que estava num bar na Rua Lancastre, morreu na hora. Já o soldado da PM Marcel Pinto Almagra, de 27 anos, foi torturado e morto por comparsas do traficante Alexandre Bandeira de Melo, o Piolho.

Segundo testemunhas, Marcel foi morto porque os bandidos viram sua identificação de policial. O jovem ainda tentou entrar em sua casa, mas foi atingido pelos traficantes. Depois, foi torturado e arrastado pela rua, até ser executado. No fim de novembro, ele iria se formar no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (Cefap). De acordo com parentes, durante dez anos, Marcel foi militar da Marinha, mas seu sonho sempre foi ser policial. O jovem, inclusive, estudava Direito na Unisuam para, futuramente, prestar concurso para delegado.

Segundo informações, ele teria ainda assassinado diversos moradores das favelas e morros que domina para se vingar, por acreditar que eles teriam dado apoio aos milicianos, durante o tempo em que passou preso.

Quem tiver alguma informação sobre sua localização, basta entrar em contato com o Disque-Denúncia (2253-1177), o anonimato é garantido. (Atualizado em 01/09/2011)

Vara de Execuções Penais: AG.RECAPTURA

Processos Serventia: CAPITAL VARA DE EXEC PENAIS Nº Processo: 0424995-97.2006.8.19.0001 (2006/02631-4) Classe CNJ: Execução da Pena Serventia: CAPITAL VARA DE EXEC PENAIS Nº Processo: 0426546-15.2006.8.19.0001 (2006/04191-7) Classe CNJ: Execução da Pena Serventia: CAPITAL VARA DE EXEC PENAIS Nº Processo: 0430698-72.2007.8.19.0001 (2007/02246-0) Classe CNJ: Execução da Pena Petições Pendentes de Juntada Número: 200900556408 Data: 30/04/2009 Número: 201001068558 Data: 13/09/2010 Movimentos Data: 17/11/2011 Origem: MINISTÉRIO PÚBLICO Destino: SVP5 / FINAL 0 Prateleira: 10 Assunto: RETORNO MINIST. PUBLICO Data: 13/09/2011 Origem: SVPT / SERVIÇO DE PROTOCOLO Destino: ARQUIVO GERAL Assunto: REMESSA AO ARQUIVO GERAL Obs: 0055349-40.1987.8.19.0001 MAÇO 12259 Data: 02/09/2011 Origem: MINISTÉRIO PÚBLICO Destino: SVP5 / FINAL 0 Prateleira: 65 Assunto: RETORNO MINIST. PUBLICO

(atualizado em 03/02/2012)

Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIÇÃO
VEP/RJ
0424995-97.2006.8.19.0001
2006
VEP/RJ
0426546-15.2006.8.19.0001
2006
VEP/RJ
0430698-72.2007.8.19.0001
2007
VEP/RJ
0426546-15.2006.8.19.0001
2006
1