Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Val Sapo
Valmir Juvenal da Silva
Recompensa:
R$ 2 Mil
Nascimento:
09/06/1975
RG:
RG Nº. (I.F.P.) 212.340.49 - 1
Natural:
Paraíba do Sul - PB
Situação:
Foragido do Sistema Penitenciário
Crimes:
Evadido do Sistema Penitenciário Tráfico de Drogas Latrocínio

1 - Latrocínio (Art. 157, § 3º, 2ª parte - CP)
Facção:
Comando Vermelho - CV
Função:
Chefe do Tráfico
Área de Atuação:
Favela do Mandela I e II, Varginha e Manguinhos
Histórico:
Valmir Juvenal da Silva, o Val Sapo, também conhecido pelos apelidos de “Pezão”, “Mandacaru” e Chacal", era o chefe do tráfico de drogas na Favela do Arará, em Benfica. Ele era um dos principais líderes de bondes de ladrões de veículos da zona norte do Rio. A área da Favela do Arará é considerada uma das mais críticas em termos de roubos de carros. Várias pessoas já foram assassinadas por terem se recusado a entregar seus automóveis.

Conhecido também pelo nome de Ednaldo Caetano da Silva está envolvido na morte do policial civil Sergio Ricardo Salles dos Santos, em 2002, época em que era um dos integrantes do bando de “Marcinho Muleta” e comandados pelo traficante de apelido “Porca Russa”, antigos chefes do Comando Vermelho.

Contra Valmir Juvenal da Silva, consta pelo Sistema de Cadastramento de Mandados de Prisão – Polinter – 3 (três) mandados de prisão, expedidos pelas seguintes Varas Criminais: 9ª Vara Criminal da Capital – expedido em 05/10/2009 – CPB 157; 9ª Vara Criminal da Capital – expedido em 05/10/2009 – CPB 157 e 30ª Vara Criminal da Capital – expedido em 18/11/2004 – Lei 6368/76.

Pelo Sistema de Identificação Penitenciária, consta que o apenado Valmir Juvenal da Silva, encontra-se na condição de Evadido do Sistema Penitenciário. Ele ingressou no sistema prisional em 22/12/2000, indo cumprir pena na Cadeia Pública Pedro Mello da Silva – SEAPMS _. Em 20/07/2007, ganhou o direito ao regime semi-aberto, - SEAPEC _ Porém em 13/12/2007, saiu e não mais retornou a sua unidade carcerária.

Pelo Sistema de Cadastramento de Ocorrências Policiais, consta: 21ª DP – artigo 121 da Lei 6368/76 – expedido em 27/10/1998; 21ª DP – 27/10/2004 – artigo 12 da Lei 6368/76; - 21ª DP – 30/05/2002 – Latrocínio – artigo 157, § 3ª 2ª parte – CP e 31ª DP – 25/04/2000 – artigo 12 da Lei 6368/76.

Pelo Sistema de Identificação Criminal, consta: 31ª DP – 20/07/2000 – artigo 12 da Lei 6368/76 – condenando a 3 anos de reclusão; 21ª DP – 24/02/2006 – artigo 12 da Lei 6368/76 – condenando à pena de 4 anos; 21ª DP – 13/03/2012 – latrocínio – artigo 157, § 3º 2ª parte – CP; 21ª DP – 11/11/2005 – artigo 14 da Lei 6368/76 – condenado à pena de 5 anos; 21ª DP – 21/01/1999 – artigo 12 da Lei 6368/76 – absolvido e Juizado da Comarca de Queimadas/Paraíba.

Processo nº: 0161997-72.2009.8.19.0001

(2009.001.162654-5)

Tipo do Movimento: Sentença
Descrição: JUÍZO DE DIREITO DA NONA VARA CRIMINAL COMARCA DA CAPITAL PROCESSO Nº 0161997-72.2009.8.19.0001 (2009.001. 162654-5) S E N T E N Ç A Vistos etc VALMIR JUVENAL DA SILVA, vulgo ´Valmirzinho´ e acusado pelo Ministério Público de terem infringido os comandos normativos proibitivos dos tipos penais insertos no artigo 157, § 3º (2ª parte) e artigo 288, parágrafo único c/c artigo 69, todos do CP, consistente em terem se associado em quadrilha armada, para o fim de cometer crimes, passando a integrar a organização criminosa denominada Comando Vermelho, em data e hora não precisadas nos autos, na Favela de Manguinhos, nesta comarca.

(Atualizado em 10/09/2012)

Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIÇÃO
Comarca da Capital/9ª Vara Criminal
0161997-72.2009.8.19.0001
05/10/2009
Comarca da Capital/9ª Vara Criminal
0161997-72.2009.8.19.0001
05/10/2009
Comarca da Capital/30ª Vara Crimina
Lei 6368/76 - 12 à 19
18/11/2004
1