Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Mozar
Mozar Alves da Silva
Recompensa:
R$ 1 Mil
Nascimento:
30/12/1950
RG:
RG Nº. (I.F.P.) 247.282.163
Natural:
Município não Informado - CE
Situação:
Procurado
Crimes:
Estupro/Atentado Violento ao Pudor

1 - Estupro de Vulnerável (Art. 217-a - Cp)
Área de Atuação:
Duque de Caxias - Baixada Fluminense - RJ
Histórico:
DISQUE DENUNCIA PEDE INFORMAÇÕES SOBRE PARADEIRO DE HOMEM ACUSADO DE ABUSAR SEXUALMENTE DE SUA FILHA

O Portal dos Procurados divulga cartaz nesta quarta-feira, dia 20/09, cartaz com recompensa de R$ 1 mil por informações que levem a prisão de Mozar Alves da Silva, de 67 anos. Ele é acusado de abusar sexualmente de sua filha desde quando ela tinha apenas onze anos de idade. Por ele se encontrar em local não sabido, já é considerado foragido da justiça.

Segundo informações da Delegacia de Atendimento à Mulher – DEAM – de Duque de Caxias, Mozar começou a abusar de sua filha, no bar que ele tem em Xérem, 4º distrito do município de Duque de Caxias, Baixada Fluminense, quase que durante toda a semana. Os abusos consistiam da filha, de apenas 11 anos, sentar no seu colo, até a realização dela praticar sexo oral no pai. Para conseguir seu objetivo ele dava dinheiro à filha, e quando ela se recusa a tal ato, ele a ameaçava em cortar o financiamento, tipos estudos, ajuda alimentícia, presente entre outros.

Quando finalmente a menor fez 16 anos de idade, ela na aguentou mais os abusos e relatou tudo para sua mãe, e ela por sua vez foi até a delegacia e denunciou os horrores que a filha estava sofrendo desde os seus onze anos.

Após toda investigação da especializada, foi pedido através da autoridade policial representada pela Delegada Titular da DEAM/Caxias Draª Giselle do Espírito Santo, o pedido de Prisão Preventiva, que foi exarada pela 2ª Vara Criminal de Duque de Caxias, mandado nº: 0055022-82.2017.8.19.0021, pelo crime contido no artigo Estupro de Vulnerável (Art. 217-a - Cp), datado em 18/09/2017, com validade de 20 anos.

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização de Mozar Alves da Silva, favor informar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; pela mesa de atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), endereço:https://www.facebook.com/procurados.org/; e pelo aplicativo Disque Denúncia RJ.

Todas as informações sobre seu paradeiro estarão sendo direcionadas para DEAM/Duque de Caxias que esta encarregada do inquérito criminal.

Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIÇÃO
Comarca de Duque de Caxias/2ª Vara Criminal
0055022-82.2017.8.19.0021
18/09/2017
1