Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Luizinho
Luiz Carlos da Silva
Recompensa:
R$ 1 mil
Nascimento:
24/11/1978
RG:
RG Nº. (I.F.P.) 263.696.387
Natural:
Paraty - RJ
Situação:
Procurado
Crimes:
Tráfico de Drogas Homicídio

1 - Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), incisos IV, V e VI

2 - Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), incisos II, III e IV do CP c/c art. 14, II do CP.; Crime Tentado; Concurso Material (Art. 69 - Cp); Corrupção de Menores - Eca (Lei 8.069/90 - Art. 244 B); Crime Ou Contravenção Contra Criança e Adolescente, DENÚNCIA.

3 - Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), incisos IV, V e VI
Facção:
Comando Vermelho
Função:
Chefe do Tráfico de Drogas
Área de Atuação:
Ilha das Cobras - Paraty - RJ
Histórico:
Luiz Carlos da Silva, o Luizinho ou Dedé ou LC é ligado à facção Comando Vermelho e atualmente, está chefiando o tráfico de drogas na região conhecida como Ilhas das Cobras, em Paraty, localizado no Litoral Sul do Estado do Rio de Janeiro.

No dia 17 de agosto, agentes da 167ª DP – Paraty - sob a supervisão do Delegado Uriel Machado, deflagrou uma operação com o objetivo de reprimir o tráfico de drogas na região da Ilhas das Cobras, A operação já tinha como objetivo cumprir 42 mandados de prisão, sete de busca e apreensão de adolescentes e ainda cinco mandados de busca e apreensão domiciliar.
O delegado informou que os alvos eram integrantes de uma facção criminosa Comando Vermelho, que atua na localidade. Trinta e um mandados foram cumpridos, sendo 18 pessoas presas na ação, e ainda realizada uma prisão em flagrante por tráfico de drogas. Além disso, foram apreendidas drogas, espingardas, munições e materiais relacionados ao tráfico.

Ainda de acordo com o delegado, dos 49 mandados de prisão, 20 deles tiveram origem em um inquérito policial que apurou a decapitação de um traficante no bairro Ilha das Cobras, executado também por traficantes locais, durante o carnaval deste ano. Essa execução ocorreu porque o traficante estava se relacionando com a ex-esposa de um dos donos do tráfico local, Marcel Espírito Santo Souza, conhecido como “Cebolão”, que atualmente cumpre pena, e teve sua morte ordenada pelo traficante, e comanda junto com Luizinho, o trafico de drogas na região.

Pelo Sistema de Cadastramento de Mandados de Prisão – Polinter e Banco Nacional de Mandados de Prisão de Prisão – CNJ -, constam quatro mandados em desfavor de acusado Luiz Carlos da Silva, pelos crimes de 1 - Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), incisos IV, V e VI, 2 - Homicídio Qualificado (Art. 121, § 2º - CP), incisos II, III e IV do CP c/c art. 14, II do CP.; Crime Tentado; Concurso Material (Art. 69 - Cp); Corrupção de Menores - Eca (Lei 8.069/90 - Art. 244 B); Crime Ou Contravenção Contra Criança e Adolescente, DENÚNCIA, 3 - Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) C/C Aumento de Pena Por Tráfico Ilícito de Drogas (Art. 40 - Lei 11.343/2006), incisos IV, V e VI .

Pelo Sistema de Identificação Penitenciária consta que o procurado já passagem pelo Sistema Carcerário. Ele ingressou em m02/2005, indo para Presídio Ary Franco e saiu em li9berdade em 06/2009 do Patronato Magarinos Torres.


Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIÇÃO
Comarca de Paraty Vara Única
0015945-79.2012.8.19.0041
09/12/2016
Comarca de Paraty Vara Única
0015455-57.2012.8.19.0041
28/11/2012
Comarca de Paraty Vara Única
0015874-77.2012.8.19.0041
18/12/2012
Comarca de Paraty Vara Única
0001833.32.2017.8.19.0041.0001
17/08/2017
1