Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Gilson Baixinho
Gilson de Oliveira Galante
Recompensa:
R$ 1 Mil
Nascimento:
05/10/1985
RG:
RG Nº. (I.F.P.) 202.422.770
Natural:
Município Não Informado - RJ
Situação:
Foragido do Sistema Penitenciário
Crimes:
Evadido do Sistema Penitenciário

Roubo - Assalto a Mão Armada

1 - Roubo Majorado (Art. 157, § 2º - CP), INCISOS I e II DO CP

2 - Tráfico de Drogas e Condutas Afins (Art. 33 - Lei 11.343/06) E Associação Para a Produção e Tráfico e Condutas Afins (Art. 35 - Lei 11.343/06) E Posse Ou Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Restrito e Outros (Art. 16 - Lei 10.826/03)

3 - Associação para a Produção e Tráfico e Condutas Afins

4 - Resistência (Art. 329 - CP), § 1º; Disparo de Arma de Fogo (Art. 15 - Lei 10.826/03) N/F Concurso Material (Art. 69 - Cp)
Facção:
Comando Vermelho - CV
Função:
Gerente do Tráfico
Área de Atuação:
Morro do Turano - Rio Comprido - RJ
Histórico:
O Portal dos Procurados divulgou no dia 13/09/2016, um novo cartaz com as fotos de Luiz Felisberto da Silva Júnior, o JN ou Juninho e Gilson de Oliveira Galante, o Gilson Baixinho, eles estariam a frente do tráfico de drogas do Morro do Turano, que é controlada pela facção Comando Vermelho e, também Leonardo Miranda da Silva, o Léo Empada, que atualmente, estaria comandando o tráfico de drogas no Morro do São Carlos, e pertence à facção Amigo dos Amigos, a ADA.

O Portal está oferecendo uma recompensa de R$ 1 mil por informações que levem a captura dos principais traficantes da região, que estariam à frente da guerra travada por domínios dos pontos de drogas do Morro do Turano, Rio Comprido, Zona Norte do Rio de Janeiro. E pede também a população que ajude na identificação de um traficante de vulgo Dante, que seria o principal suspeito de ter iniciado a guerra no Turano.

A guerra entre traficantes teria, supostamente, iniciada por divergências internas dentro tráfico de drogas no Morro do Turano. O chefe do tráfico Ocimar Nunes Robert, o Barbozinha, preso desde 2009, em Presídio Federal em Mato Grosso do Sul, chefiaria os seus pontos de drogas com mão-de-ferro. Ele, segundo informações recebidas pelo Whatspp dos Procurados (21) 96802-1650, estaria penalizando quem fosse contra suas ordens, e até moradores da comunidade estariam sofrendo com seus desmandos.

Um grupo de traficantes, liderados por um de vulgo Dante, teriam se rebelado contra as ordens do antigo chefe, e teriam trocado de facção, indo se aliar aos traficantes do Morro do São Carlos, que é chefiado pelo traficante Léo Empada. Os traficantes rebelados teriam pedido ajuda ao São Carlos, para tomar os pontos de drogas do Turano, e assim destituir o antigo chefe, e dominar os pontos de drogas da região.

No confronto entre traficantes, uma pessoa morreu e duas ficaram feridas. Um casal, que passava pelo local, foi baleado durante a fuga de traficantes. Dez criminosos que fugiram do morro tentaram roubar o carro do casal, mas, como não conseguiram levar o veículo, atiraram nas vítimas. O carro do casal ficou cheio de marcas de bala.

PMs que já faziam a segurança na região trocaram tiros com os suspeitos de balear o casal. Um deles foi atingido e morreu no hospital. Uma submetralhadora e um fuzil foram apreendidos. Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) permanecem, para evitar novos confrontos.

Em desfavor dos principais traficantes envolvidos na guerra, constam diversos mandados de prisão. Contra Luiz Felisberto, o JN, existem cinco mandados pelos crimes de tráfico de drogas, homicídios, resistência e associação para o tráfico. Em relação a Gilson Galante, o Baixinho consta quatro mandados por tráfico de drogas. Ele ainda encontra-se na condição de Evadido do Sistema Penitenciária, desde 07/15, quando se evadiu do Instituto Penal Edgard Costa.
Contra Léo Empada, do São Carlos, constam quatro mandados por homicídios e tráfico de drogas. Ele também encontra-se evadido desde 08/15, quando recebeu o benefício de Visita Periódica ao Lar – VPL – e não retornou mais para o Instituto Penal Ismael Pereira Sirieiro.

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização desses traficantes, e a identificação do criminoso de vulgo Dante, favor denunciar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram dos Procurados (21) 96802-1650; pelo facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/, pelo mesa de atendimento do Disque-Denúncia (21) 2253-1177. Garantimos o Anonimato.

(Atualizado em 10/01/2017)
Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIÇÃO
Comarca da Capital/33ª Vara Criminal
0140557-73.2016.8.19.0001
24/05/2016
Comarca da Capital/21ª Vara Criminal
0409378-92.2009.8.19.0001
12/12/2012 = Preventiva
Comarca da Capital/26ª Vara Criminal
0331986-08.2011.8.19.0001
09/05/2012 _ Preventiva
VEP - Vara de Execuções Penais
0057452-09.2013.8.19.0001
07/07/2015 - Evasão
1