Compartilhe:



FOTOS:
 
Compartilhe:
Sogro
Alex Suyanoff
Recompensa:
R$ 1 Mil
Nascimento:
05/03/1951
RG:
RG N. (I.F.P.) 111.757. 82 - 9
Natural:
Repblica do Uzbequisto - UZB
Situao:
Foragido do Sistema Penitencirio
Crimes:
Matutos Evadido do Sistema Penitencirio

1 - Assunto: Trfico Ilcito de Substncia Entorpecente (Art. 12 - Lei 6.368/76)/Classe: Ao Penal - Procedimento Ordinrio
Funo:
Matuto
rea de Atuao:
Rio de Janeiro e Europa
Histrico:
Alex Suyanoff, o Gringo, tambm conhecido pelos apelidos de Pai ou Sogro, nasceu na Repblica do Uzbequisto UZB -, e apontado como um dos maiores fornecedores de cocana do Rio de Janeiro. Alex tem mais trs nacionalidades, Israelita, Grega e Espanhola, e procurado pela polcia de quatro pases, incluindo a agncia americana de combate as drogas, Drug Enforcement Administration DEA. H mais de dez anos ficou identificado como responsvel por grande rede de trfico que abastece a Europa via frica, usando transportadores nigerianos.

Em 1994, Alex foi preso pela primeira vez no Brasil, no municpio de Saquarema, acusado de estar frente da conexo nigeriana, que enviava cocana colombiana para a Europa e para os Estados Unidos, sendo condenado a 25 anos de priso, cumprindo apenas 5 anos. Em 2003, foi preso novamente no bairro de Copacabana, com 1,5 kg, de cocana.
Em julho de 2007, foi submetido a uma cirurgia para a retirada de um tumor que obstrua o intestino, e acabou fugindo do setor de custdia do Hospital Municipal Souza Aguiar, pela porta da frente, onde deste ento nunca mais foi encontrado.

A fuga foi descoberta aps um policial constatar que em cima da cama do traficante, s havia travesseiros e algumas roupas. Uma das testemunhas contou que ouviu o traficante e um policial combinando os detalhes, onde foi pago ao policial o valor de 80 mil dlares, em torno de R$ 151 mil, para auxiliar a fuga.

epoca a direo do Hospital Souza Aguiar informou que havia enviado um ofcio no dia 23/05/07 a Vara de Execues Penais - VEP, avisando que o traficante j podia ser transferido para receber tratamento ambulatorial no hospital penal Fbio Soares Maciel em Bangu e tratamento de quimioterapia no Instituto Nacional do Cncer - INCA. A assessoria do Tribunal de Justia informou que a VEP determinou a Secretaria de Administrao Penitenciria - SEAP, a transferncia do preso, sob escolta, para o Hospital Penitencirio e tratamento de quimioterapia no INCA. A VEP por sua vez, alega que o traficante no tinha sido transferido para o Hospital penitencirio, como deveria, porque os advogados de Alex Suyanoff entraram com peties que dependiam de anlise do conselho penitencirio.

Contra Alex Suyanoff, consta pelo Sistema de Cadastramento de Mandados de Priso Polinter 2 (dois) mandados de priso, expedidos pelas seguintes Varas Criminais: 9 Vara Criminal da Capital expedido em 06/05/2004 Lei 6368/76 e VEP Vara de Execues Penais expedido em 12/07/2007 Lei 6368/76.



Tipo do Movimento: Remessa
Destinatrio: Tribunal de Justia
Data da remessa: 15/04/2005
Prazo: 15 dia(s)
Descrico da remessa: ... em sesso realizada em 09082005 pela 4 Cmara CRiminal foi submetido a julgamento o presente feito e, por unanimidade foi negado provimento aos recursos de Paulo Eduardo Becker Duarte, Valter Jose de Oliveira, sendo dado parcial provimento ao recurso de Marlucia Menezes Gomes para reduzir as penas a 10 anos de recluso, mantendo no mais a sentena. Por maioria negou-se provimento ao recurso de \alex \suyanoff, ficando vencido o Desembargador Ivan Cury que reduzia a pena a 12 anos de recluso, mantendo no mais a sentena, nos termos do voto do Relator. Fara voto vencido o Desembargador Ivan Cury... em sesso realizada em 10082006 pela 6 Cmara foi submetido a julgamento o presente feito e, por maioria de votos foram acolhidos os embargos na forma do voto vencido do Desembargador Ivan Cury, sendo a pena reduzida a 12 anos de recluso, no mais mantida a sentena de Alex Suyanoff.
Documentos Digitados: Ofcio Solicitao ( DIVERSOS)



Processos

Serventia: CAPITAL VARA DE EXEC PENAIS
N Processo: 0430527-52.2006.8.19.0001 (2006/08180-6)
Classe CNJ: Execuo da Pena


Movimentos

Data: 29/08/2012
Origem: SVPT / SERVIO DE PROTOCOLO
Destino: ARQUIVO GERAL
Assunto: REMESSA AO ARQUIVO GERAL
Obs: 2010/01000973 MAO 14128

Data: 13/07/2012
Origem: SERV.HABEAS CORPUS E RECURSOS / AGRAVO
Destino: TRIBUNAL DE JUSTIA / RJ
Assunto: ENCAMINHAMENTO AGRAVO
Obs: 2 vice

Data: 13/07/2012
Origem: DR. JULIANA BENEVIDES DE BARROS
Destino: DPCE - RETORNO DA CONCLUSO AO JUIZ
Assunto: RETORNO DA CONCLUSO
Obs: DESPACHO : EM SEDE DO JUZO DE RETRATAO PLEITEADO PELO AGRAVANTE, TENHO POR MANTER A DECISO ALVEJADA NO RECURSO DE AGRAVO, EIS QUE NO DESMERECIDOS OS SEUS FUNDAMENTOS PELO ATAQUE RECURSAL. AO EGRGIO TRIBUNAL DE JUSTIA.

(Atualizado em 04/09/2012)
Processos Judiciais
ORIGEM
PROCESSO
EXPEDIO
Comarca da Capital /9 Vara Criminal
0097753-47.2003.8.19.0001
06/05/2004
VEP - Vara de Execues Penais
0430527-52.2006.8.19.0001 (2006/08180-6)
2006
1